• Ana Carolina Rocha

A importância da inclusão digital para idosos



A tecnologia encurta as distâncias e facilita muito o nosso cotidiano. Basta alguns cliques para fazer compras on-line, chamar um motorista de aplicativo ou fazer uma videochamada com aqueles que amamos.


Especialmente na pandemia do Coronavírus, os aparatos tecnológicos ganharam ainda mais força em função do distanciamento social, uma das principais medidas contra o contágio e a transmissão da Covid-19.


No entanto, apesar das inúmeras facilidades proporcionadas pela tecnologia, sabemos que muitos idosos ainda têm dificuldades em conectar-se ao mundo virtual, embora tenha crescido o acesso deles à internet.


Dados do último levantamento da pesquisa TIC Domicílios, elaborada pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.Br), mostram que 58% dos brasileiros com mais de 60 anos usam o smartphone para acessar à internet.


A estatística refere-se ao período de outubro de 2018 e março de 2019 e aponta um significativo aumento, uma vez que o percentual era de apenas 21% no período anterior.


Maria Odete, 65 anos, aposentada, é uma das que entraram na onda da internet e enxerga a tecnologia como uma forma de estar mais perto do neto de seis anos. “Desde que a pandemia iniciou, tenho falado com ele e minha filha diariamente por videochamada para diminuir um pouco a saudade”, conta.


Quando não está falando com a família, ela tem aproveitado o maior tempo em casa para visitar virtualmente museus de arte de todo o mundo, dica de passatempo que ela conferiu aqui.


Atenção para não cair em armadilhas


Para usufruir de todos os benefícios trazidos pela internet com segurança, é preciso seguir algumas recomendações que são cruciais para evitar crimes cibernéticos, cuja incidência aumentou durante a pandemia.


Veja três valiosas recomendações de especialistas para evitar golpes e ataques.


1) Evite compartilhar dados que podem causar problemas pessoais e financeiros na web (número da conta corrente, senhas de serviços on-line, etc.);


2) Atenção ao abrir links e desconfie ao receber qualquer informação estranha: não clique em links que recebeu de desconhecidos;


3) Preserve a sua privacidade: não poste todas as suas fotos e evite postagens que indiquem onde você mora.


Outras dicas


A Super Simples elaborou uma cartilha que mostra os principais golpes praticados por criminosos.


Além da descrição deles, este material contém orientações práticas de como evitá-los. Clique aqui e proteja-se!




© 2020 Super Simples. Todos os direitos reservados.
Feito com ❤ por Mic Aof